26/04/2012

Residência Educacional levará 15 mil universitários para estagiar na rede

Fonte: http://www.educacao.sp.gov.br/noticias/15-mil-universitarios-farao-estagio-nas-escolas-da-rede

O governador Geraldo Alckmin e o secretário da Educação, Herman Voorwald, anunciaram na manhã desta quarta-feira (18) a criação do programa Residência Educacional.
O novo programa oferece bolsas de R$ 425, mais auxílio-transporte de R$ 180 para 15 mil universitários que começam - já no segundo semestre de 2012 - a estagiar em 483 escolas estaduais. O investimento previsto para essa etapa é de R$ 73,1 milhões.
Durante o evento, o governador Geraldo Alckmin ressaltou a importância do Residência Educacional para fortalecer a formação dos jovens universitários. “O programa irá trazer os alunos das universidades para serem professores, para participarem do magistério de São Paulo”, afirmou.
Os bolsistas farão seus estágios nas escolas consideradas mais vulneráveis nos aspectos socioeconômico, de infraestrutura e de aprendizagem. “A importância da proposta é que o universitário aprenda a conviver com a realidade de uma unidade escolar durante esse estágio. Além disso, o objetivo é estimular que, uma vez concluída a sua licenciatura, ele preste concurso e ingresse como servidor na rede”, explicou o secretário Herman Voorwald.
Com o início marcado para o segundo semestre de 2012, o programa já tem ações planejadas para os próximos anos. Em 2013, com o acréscimo R$ 56,6 milhões, serão selecionados mais 11.480 universitários para atuar em 361 escolas. Em 2014, o aporte adicional de R$ 54,3 milhões incluirá mais 11.417 bolsistas presentes em 359 unidades de ensino.
Chamamento
O chamamento público para as instituições de Ensino Superior interessadas em participar da Residência Educacional será realizado em breve. O processo seletivo para estudantes candidatos ao programa será realizado pelas próprias universidades e faculdades cadastradas. A duração do estágio será de 400 horas, não podendo ultrapassar sete meses.
Durante o estágio, o universitário desenvolverá um projeto de apoio pedagógico. Esse trabalho servirá como um legado que continuará a ser usado na busca pela qualidade de aprendizado na escola. A Secretaria da Educação e a instituição de ensino superior parceira da iniciativa serão responsáveis pelo acompanhamento do projeto.