08/06/2010

Teatro: Na Boca da Noite

Autor: Vânia Cláudia P. Figueiredo

A FUNEPE promoverá na noite desta quarta-feira (09/06), às 19h30, a apresentação da peça NA BOCA DA NOITE. O evento será gratuito e aberto a todos os interessados.

Sinopse:
Degrauzinho um bandido de penitenciária que consegue fugir graças a uma rebelião, acaba se escondendo num teatro decadente onde rende Valdevino, o guarda noturno. A partir daí toda uma trama de acontecimentos acaba por mostrar a esses dois indivíduos o quão parecidos eles são, apesar de pertencerem a realidades completamente opostas. Os dois vão percebendo pontos em comum em suas vidas e como cada qual consegue sobreviver. Valdevino quer salvar seu emprego e Degrauzinho sua vida. Tornam-se cúmplices diante das dificuldades de quem não tem muito estudo e, consequentemente, muitas oportunidades.

Autores: Beto Guiz e Enéas Lour
Direção: Gelson Schimanski
Elenco: Antonio Carlos Candido (Valdevino) Antonio Carlos Freitas (Degrauzinho)
Som e Luz: Nilton Romano
Figurinos: Odelair Rodrigues
Adereços de cenário: Enéas Lour
Sonoplastia: Gelson Schimanskiv Canção do avacanoero": New Son (Nilson Moreira)
Diretora de produção: Alessandra Pilar
Produção: GGProarte

NA BOCA DA NOITE é uma tragicomédia social que aborda temas como as desigualdades sociais, direitos humanos, cidadania, violências das cidades, desemprego, mas sobretudo a valorização da vida. Em linguagem popular e de fácil entendimento é um espetáculo brilhantemente escrito por Lour e Guiz, no qual conseguem tocar e divertir jovens estudantes a partir da 5ª série a todos os tipos de público.

O espetáculo já percorreu boa parcela do território brasileiro e completa, em 2010, 16 anos em cartaz ininterruptamente. Sempre atual em sua temática a peça já foi agraciada com dois Prêmios Troféu Gralha Azul nas categorias Melhor Espetáculo Itinerante e Melhor Atriz, conta também com o Prêmio Troféu APAC.

A GGProarte é uma Companhia de Teatro Profissional de Curitiba com característica itinerante que está na estrada desde 1984. Em 2010 completa 26 anos de existência levando teatro para as mais diversas regiões. Tem como principal característica a formação de platéia para teatro, para tanto leva espetáculos em linguagem popular que desenvolve o senso crítico. Dessa forma fomenta o interesse pela arte e o gosto pelo fazer teatral.

Em sua bagagem conta com diversos espetáculos premiados, entre eles:
"O analista de Bagé";
"Tudo o que você sempre quis saber sobre drogas";
"O contrato azul";
"ABC Um tesouro para você" e "Calota e Gasolina em trânsito"